-->

Páginas

09 dezembro 2009

Do Natal...

Faltam-me as compras mais difíceis: cunhados, marido e pai. A minha mãe ainda não tem presente na árvore, mas já sei o que lhe vou dar, o que é meio caminho andado para o alívio.

Dos meus presentes: a minha mãe vai oferecer-me o 2666 (escolhido e comprado por mim) e o marido há-de oferecer-me outro livro qualquer. É a melhor forma de me fazerem feliz e ter um Natal em cheio: livros. E uma torrada feita ao lume, na noite de Natal - coisa que este ano não vai haver, porque o Natal vai ser nos sogros (e apetece-me mesmo é cortar os pulsos, cometer harakiri, armar-me em sueca e suicidar-me, pronto...)...

1 comentário:

  1. Calma, calma, é ler o livrinho e respirar fundo... Sim, as prendas para homens são mais difíceis... e mais caras.

    ResponderEliminar

Obrigada!