-->

Páginas

22 março 2010

Informação de elevado interesse

Eu já desconfiava. Este fim-de-semana tive a prova.

Como Cupido, sou uma nódoa. Portanto fujam de mim caso alguma vez eu pense em fazer este papel novamente. A sério, isto não é para mim. Mesmo.

[Eu já devia era ter juízo. Com o resultado que deu a primeira vez que me armei em Cupido - um casamento, um divórcio e uma mágoa para sempre no coração do meu melhor amigo - eu já devia saber que isto é terreno pantanoso para mim. Mas não. Olho para as pessoas e vejo as possibilidades. E não custa tentar. E dá merda. Oh well... não foi por mal, pronto...]

3 comentários:

  1. Não se pode ter jeito para tudo :)))
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Eu também estava na torcida da boa :) mas...

    A Elite

    ResponderEliminar
  3. Eu acho que o grande problema de nos armarmos em Cupido para os nossos amigos é presumirmos que sabermos o que é que a outra pessoa quer e gosta em termos amorosos. Não sabemos, por muito bem que se conheça alguém. Porque o amor e a amizade são sentimentos tão diferentes, que aquilo que as pessoas procuram na amizade só muito raramente é o mesmo que procuram no amor. Eu também já me armei em Cupido e, não deu merda, mas também não deu bom resultado. Por isso, agora, deixo que as coisas aconteçam naturalmente! Quando tiver que ser será!

    ResponderEliminar

Obrigada!