-->

Páginas

28 abril 2010

Da educação

Ontem ao jantar, filha a brincar com duas Pinypons:

Ela: elas são namuadas e são muito felizes...
Pai: não são nada namoradas, as meninas não namoram com meninas...
Eu: queres fazer o favor de te calar e de não dizer isso à miúda? Filha, pois é, são namoradas!
Ela: pois é. Gostam muito uma da outa!
Pai: mau...
Eu: a seguir vais dizer o quê, que as meninas não brincam com bolas e carrinhos?
Ele: podem brincar...
Eu: ... e que os meninos não brincam com bonecas?
Ele: isso já é outra conversa...
Eu: esquece. Ela tem que crescer a saber que tudo pode acontecer. Não a quero preconceituosa nem castrada.
Ele: humpf...

Tenho portanto uma filha muito à frente e um marido que parou algures em 1950. E eu jogo claramente na equipa da minha filha. O que faz com que passe a ter não um, mas dois lá em casa para educar.

5 comentários:

  1. Nasceste para ter uma catrefada de filhos ;) Hehe!

    ResponderEliminar
  2. Acho que fazes muito bem... O mundo não precisa de mais gente preconceituosa!

    Beijinhos

    Helena

    ResponderEliminar
  3. Eheheh...já me fizeste rir hoje. Eu até que o percebo a ele mas acho que fazes bem em ir por esse caminho....

    ResponderEliminar

Obrigada!