Da educação

abril 28, 2010

Ontem ao jantar, filha a brincar com duas Pinypons:

Ela: elas são namuadas e são muito felizes...
Pai: não são nada namoradas, as meninas não namoram com meninas...
Eu: queres fazer o favor de te calar e de não dizer isso à miúda? Filha, pois é, são namoradas!
Ela: pois é. Gostam muito uma da outa!
Pai: mau...
Eu: a seguir vais dizer o quê, que as meninas não brincam com bolas e carrinhos?
Ele: podem brincar...
Eu: ... e que os meninos não brincam com bonecas?
Ele: isso já é outra conversa...
Eu: esquece. Ela tem que crescer a saber que tudo pode acontecer. Não a quero preconceituosa nem castrada.
Ele: humpf...

Tenho portanto uma filha muito à frente e um marido que parou algures em 1950. E eu jogo claramente na equipa da minha filha. O que faz com que passe a ter não um, mas dois lá em casa para educar.

You Might Also Like

5 comentários

  1. Nasceste para ter uma catrefada de filhos ;) Hehe!

    ResponderEliminar
  2. Acho que fazes muito bem... O mundo não precisa de mais gente preconceituosa!

    Beijinhos

    Helena

    ResponderEliminar
  3. Eheheh...já me fizeste rir hoje. Eu até que o percebo a ele mas acho que fazes bem em ir por esse caminho....

    ResponderEliminar

Obrigada!

GoodReads Challenge

2020 Reading Challenge

2020 Reading Challenge
Lénia has read 29 books toward their goal of 40 books.
hide

Instagram

Parceria

Subscribe