-->

Páginas

31 maio 2010

Do Festival da Canção

Ora bem, aquilo não tem nada a ver com música mas tem tudo a ver com geopolítica. Os vizinhos amigos votam nos vizinhos amigos, mesmo que as músicas deles sejam uma valentíssima merda. Mas é assim mesmo, coisas de boa vizinhança.

Entretanto, este ano por acaso gostei da canção que ganhou. Boa onda, som divertido. Nada festivaleiro, claro. A Alemanha a cantar em inglês. Tudo o que era país a cantar em inglês. Excepto Portugal e mais meia dúzia de otários. Quando é que será que vamos perceber que, se o objectivo é ganhar, não podemos ir para lá com as merdas de canções horrorosas com que vamos sempre. Convidem os Blind Zero, deixem-nos levar uma música 100% deles e vamos ver o que acontece...

6 comentários:

  1. É política sim, mesmo que Portugal levassem Cegos1000 dava na mesma...lol...Por acaso, não acho que a música fosse horrorosa e mesmo com canções poderosas como a 'Senhora do Mar' não vamos lá enquanto o sistema de voto não mudar. Mas é só a minha opinião. Jokas

    ResponderEliminar
  2. Se Portugal levasse a música que ganhou, ou a melhor canção do festival nunca ganharia. Ao meu lado disseram que era uma questão de política: todos querem que a Alemanha dê dinheiro, todos votam na Alemanha. Claro que de Israel nem um ponto sequer, entende-se.
    Outra coisa que não percebo, todos ansiosos por se largarem da grande mãe Rússia e vai-se a ver 12 pontos vezes sei lá quantos ex-URSS para aquela música que a única coisa de jeito que tinha era umas palavras em russo.
    Eu sou da opinião que se deve levar músicas na própria língua, qual é a graça de cantar toda a gente em inglês? Até gostei da nossa música, era fofinha e querida.

    ResponderEliminar
  3. Eu gostei da nossa música. E gostei da voz da garota.

    ResponderEliminar
  4. Deviam cantar todos na sua lingua de origem.

    ResponderEliminar
  5. Tenho opinião diferente de ti. Não gostei da musica da Alemanha, e adorei a nossa. Acho que ela cantava muito bem!

    ResponderEliminar

Obrigada!