-->

Páginas

25 agosto 2010

Breve apontamento

Pessoas, não se separam sujeitos de predicados (que é como quem diz... de verbos). Portanto:

a Joana, foi ao supermercado

é diferente de

a Joana foi ao supermercado.

A primeira está errada. A segunda está correcta. É fácil, não é? É uma regra universal, não há excepções: NUNCA se separam sujeitos de predicados, NUNCA.

Pode pôr-se ali uma vírgula no início (mas não colada ao verbo!), caso tenhamos um complemento:


a Joana, que foi ao supermercado, diz que não sabe.


É, obviamente, diferente: há um pronome relativo ali (o "que") e não há um, mas dois verbos (o "foi", usado no complemento, e o "diz" que é o verbo principal da frase).



9 comentários:

  1. Já soube essas regras todas. Agora, que uso mais o inglês do que português, faço uma enorme confusão. É triste...

    (a minha mãe que não leia isto. ela é professora primária. tinha um ataque)

    ResponderEliminar
  2. Ultimamente têm-me dado para fazer essa asneira. Ando na fase das vírgulas, então coloco-as em todo o lado.. :S E logo eu que detesto erros!

    ResponderEliminar
  3. Achei graça à coincidência :)
    http://blog.ritabatatafrita.com/2010/08/sobre-virgula.html

    ResponderEliminar
  4. Serviço público ;)
    Há certos erros que me fazem muita confusão, este é um deles. Tão fácil de decorar esta regrinha (até porque, lida a frase com a entoação correcta, só assim faz sentido ;))

    ResponderEliminar
  5. Silk, não foi por causa do post da Rita que escrevi isto. Foi mesmo por ver isto diariamente, N vezes ao dia, em N blogs que leio. E custa-me porque, apesar do conteúdo do que leio nos ditos blogs me agradar, a forma por vezes decepciona...

    ResponderEliminar
  6. O meu patrão é o revisor de textos cá da casa. E em todos os textos que passam por ele, ele coloca uma vírgula entre sujeito e predicado. Dá-me cá uns nervos!

    ResponderEliminar
  7. E vocês não dizem nada quanto a isso? Deixam sair os textos com erros? Aqui a chata sou eu e revejo inclusive os textos em inglês escritos por um inglês (e sim, encontro gralhas!).

    ResponderEliminar
  8. Excelente dica!
    É mesmo um erro muito comum, infelizmente.

    Quanto ao inglês, muitas vezes os portugueses escrevem melhor do que os ingleses, até porque muitos ingleses não estudaram gramática.

    ResponderEliminar
  9. Falo por mim: quando sou eu a enviar o texto para o designer ou cliente, revejo novamente os textos. Agora quando é ele que lhe dá seguimento...

    ResponderEliminar

Obrigada!