-->

Páginas

19 outubro 2010

Da motivação

Acho que somos todos assim: ora andamos motivados, ora desmotivamos. O cansaço, a rotina, a falta de desafios, tudo coisinhas para nos tirarem a vontade de nos levantarmos da cama de manhã, para ir trabalhar.

Esta minha mudança foi o encher de depósito de que eu estava a precisar. A crise, as dificuldades, a gravidez, o trabalho dele, entre outras coisas, andavam a deixar-me apática. Mudámos de instalações e é ver-me saltar da cama às 8h, cheia de pica para vir para o trabalho. O dia passa a correr, não me arrasto para lá da hora, e em pouco tempo estou de regresso a casa. E é aqui que estou a precisar de motivação. Ando desinspirada para cozinhar. Faço-o todos os dias, mas a custo. Tenho que voltar a folhear com olhos de ver os livros da Mafalda Pinto Leite em busca daquela acendalha que me falta. É o próximo passo.


6 comentários:

  1. Também ando numa fase de apatia. Mas, daqui a nada, passa. Sou assim. Pareço a montanha russa da (des)motivação.

    Beijinhos! :)

    ResponderEliminar
  2. Eu andei com essa desmotivação culinária durante meses depois da Nidocas morrer... entretanto, de há duas semanas para cá, acordou para a vida e re-apareceu ;)

    Às vezes são reflexos de outros situações em nada relacionadas...

    ResponderEliminar
  3. Estou como tu. A mudança de escritório também me deu outra pica para trabalhar e para cada dia. É excelente, espero que dure.
    Quanto ao resto, hás-de recuperar, há fases mais "desinspiradas" que outras...

    ResponderEliminar
  4. a minha desmotivação dura há três anos, e não fosse a minha mãe acho que não comia o_O

    ResponderEliminar
  5. Eu ontem vi o Filme Julie & Julia...e inspirei-me.

    ResponderEliminar
  6. Acho que essa desmotivação nasce em cada um de nós, sempre que queremos fazer algo diferente e só nos lembramos dos pratos que cozinhamos a semana passada. E quando chegamos a casa e não temos os ingredientes que precisamos, gera-se uma preguicite aguda, não vos acontece? :)

    ResponderEliminar

Obrigada!