-->

Páginas

02 novembro 2010

(Des)Equilibrista

Se eu podia fazer números de circo? Podia, na boa. A avaliar pela forma espectacular como esta manhã escorreguei-muito-desequilibrei-me-agarrei-me-ao-carro-molhei-as-calças-mas-não-caí, eu diria que sim...

(Pavimento do parque de estacionamento molhado, eu com umas sabrinas com tendência para o disparate, uma escorregadela, et voilá, um lindo número de circo. Sem assistência, porém.)


2 comentários:

Obrigada!