-->

Páginas

13 março 2011

"O Bom Inverno"

Brilhante, este livro do João Tordo. Estou muito, muito feliz por ter finalmente descoberto este grande escritor. "O Bom Inverno" é uma leitura cinematográfica - graças, creio eu, ao facto de o João Tordo ser guionista: conseguimos "ver" as cenas, os cenários, as angústias das personagens. Não é um livro com um "twist" inesperado, não é um livro dentro de um livro, é apenas uma história muito interessante, muito bem contada. Lê-se muito bem, não é uma leitura densa, intrincada, retorcida. E nem tinha que ser. Adorei, recomendo. E o João Tordo, como já aqui disse, ganhou entrada directa para o meu top de escritores.

Agora vou voltar à Idade Média, às Cruzadas: "Irmandade", de Robyn Young. O primeiro volume de mais uma trilogia... sou viciada, eu sei!


5 comentários:

  1. Também gostei muito desse livro e fiquei imediatamente fascinada pela escrita do João Tordo.
    kiss

    ResponderEliminar
  2. Subscrevo totalmente a tua opinião! Confesso que fiquei um bocadinho irritada pelo facto de não ter sido dado um nome ao culpado original de toda a trama de acontecimentos, mas, de resto, gostei da destreza e da audácia com que o autor fez evoluir a intriga.
    O João Tordo entrou também para o meu top e nestes dias, de cada vez que entro numa livraria, dá-me uma vontade enorme de pegar n'O Livro dos Homens sem Luz e trazê-lo comigo!

    ResponderEliminar
  3. Há 10 minutos estava a falar desse livro porque quero lê-lo mas não o tenho.
    Uma boa crítica é mais um incentivo para ler.

    ResponderEliminar
  4. Também adorei! É mesmo muito bom e agora tenho de ler os outros livros dele.

    ResponderEliminar
  5. Curioso, hoje enquanto começava a ler o post fui certificar-me e é justamente o que estou a ler, meio caminho andado para não deixar de lado
    (isto porque não sou capaz de ler só um livro de cada vez - mais ou menos como a minha mãe com as telenovelas, devora-as todas)

    ResponderEliminar

Obrigada!