-->

Páginas

16 junho 2011

...

Sabes que já não queres ter mais filhos (por enquanto, que convém deixar janelas abertas para fazer circular o ar) quando vês blogs de grávidas e procuras os posts que não tenham nada a ver com a gravidez.

Antes de engravidar achava graça a ler as evoluções todas. Grávida achava graça a ler o que outras pessoas na mesma situação que eu estavam a passar. Agora passo em frente. Não me apetece, simplesmente.

Isso e o facto de só ter uma amiga grávida - e essa sim, quero acompanhar, muito porque ela também é uma grávida muito fácil e muito pouco "grávida" (nada de achaques, nada de falinhas à bebé - atreve-te, miúda, atreve-te -, nada daquelas coisinhas fofinhas e queridinhas e mimimi das grávidas).

Por mim, loja fechada. Estamos bem assim, não me apetece nada passar por aquelas 40 semanas novamente. Daqui a um ano ou dois posso mudar de discurso, que isto nunca se sabe...


8 comentários:

  1. Somos duas.
    Simplesmente não tenho paciência. Vivo esta fase dia após dia, literalmente em baby steps e a aprender.

    ResponderEliminar
  2. somos três!!! por mim está bom assim até porque neste mundo as coisas estão cada vez piores e os valores verdadeiros estão a cair....

    ResponderEliminar
  3. Eu ainda quero ir ao segundo e, muito em breve, apesar de algumas dúvidas e receios que tenho... http://vidasdanossavida.blogspot.com/2011/06/o-segundo-filho.html
    Todas as opiniões são importantes, e gostava de saber a tua, pois já percebi que não sou a única mulher com estes receios. Beijinhos e obrigada

    ResponderEliminar
  4. Nota: não tenho paciência para os blog's de grávidas.
    Mais filhos vê-se lá para a frente, para já este já dá conta do recado :)

    ResponderEliminar
  5. A minha luta é exactamente não deixar o meu blog tornar-se um blog de grávida... Porque tenho consciência de que há outras pessoas a lê-lo, e e quem, não tendo de agradar, gosto de não maçar.
    No entanto, a minha vida, neste momento, pela primeira (e, em princípio, única vez), é este filho. Por isso, não sei que faça. Ao blog, refiro-me. :) Eu não sou esta gravidez, mas neste momento sou uma grávida. Feliz. Ainda assim, mantém-se tudo o que disse acima. Só contradições ehehe. Então os meus dedos ficam calados e eu vivo os meus momentos. E trabalho. E namoro. E curto a vidinha.

    P.S. Acho que me orgulho de também não ser grávida de achaques, de vozinhas estranhas e de excesso de "bebecas" e "estrelinhas" e "príncipes e princesas". Na verdade, acho que partilho da falta de paciência para com... E a tua amiga grávida hehe... Não corres riscos com ela, de certezinha ;P

    ResponderEliminar
  6. Queen, não te admires com isso. Quando engravidei da minha filha deixe de conseguir falar de outras coisas. Bom, não foi tão grave assim, mas foi muito assim. Às tantas desisti de tentar não ter um blog de grávida e assumi a coisa. Depois passou-me e "voltei ao normal". Mas nunca mais escrevi da mesma forma, nem nunca mais vi a vida da mesma perspectiva. E ainda bem!

    ResponderEliminar

Obrigada!