-->

Páginas

18 julho 2011

Pai

57, hoje.
O meu homem de referência, a par com o meu avô. O pai que me deixava ter grilos em casa. E pássaros. E hamsters. E que uma vez me comprou um hamster macho que afinal era fêmea e que pariu uma catrefada de hamsterzinhos nem uma semana depois de chegar lá a casa. O pai que me levava ao café com ele, depois de jantar. E que me ensinava a jogar cartas e a ler e a escrever, tudo antes do tempo em que era suposto. O pai que me deixava ver o Norte e Sul com ele, tinha eu uns 8 anos (e não censurava cenas nenhumas). O pai que me deixou crescer, que me deixou ganhar asas e voar sozinha. O pai que me levou ao altar, emocionado e cheio de calor, tal não era a pilha de nervos. O pai que ama os meus filhos e que brinca com eles. O pai que se tornou avô, um avô muito melhor do que eu alguma vez supus que ele viesse a ser, daqueles avôs que se deita no chão a rebolar e que compra coleções inteiras do Noddy só porque a menina gosta. O meu pai, que eu amo tanto.

Parabéns, Pai.


9 comentários:

  1. Muitos parabéns ao teu pai, então :)

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns a ele! Pelo aniversário mas principalmente por te ter educado assim :)

    ResponderEliminar
  3. Parabéns ao pai e parabéns pelo texto! ;)

    ResponderEliminar
  4. Está um doce este teu post.
    Muitos parabéns ao teu pai!
    *

    ResponderEliminar
  5. parabéns ao papá e à filhota inspirad(or)a

    ResponderEliminar
  6. Parabéns ao papá, parabéns á vossa relação...quem me dera puder dizer o mesmo do meu...Fico feliz por saber que existem pessoas que nutrem este sentimento bonito...
    Post maravilhoso...

    ResponderEliminar
  7. Eishhh o Norte e Sul! Grande recordação, de facto. Melhor ainda ao lado de um pai que se descreve assim. Gostei. Parabéns aos dois.

    ResponderEliminar
  8. Que bonito texto:) Um bj de parabéns ao teu papá:)

    ResponderEliminar
  9. personifica o que os pais deviam ser. Era assim que imaginava o meu em tt dos acontecimentos que falou. Mas não tivemos tempo para isso. Pode ser que noutra vida. Parabéns ao seu :)*

    ResponderEliminar

Obrigada!