-->

Páginas

12 setembro 2011

Momento "a esperteza é uma cena que a mim não me assiste"


Perto da minha casa há uma rotunda que parece o carrossel Alegria (a foto não é de um Alegria, mas é parecido e dá para perceber o efeito que a rotunda tem: é aos altos e baixos). A meio da rotunda, que é ajardinada (e muito usada por gente pouco civilizada para levar os cães a defecar, sem, no fim, recolherem o produto do alívio dos cães) e tem uma escadaria que desce do meio para um dos lados.

Ontem à tarde, ao regressar da minha corrida, deparo-me com uns miúdos num momento "a esperteza é uma cena que a mim não me assiste". Pois que tinham uma tábua qualquer, estreita e comprida. Punham essa tábua no cimo das escadas, um deles sentava-se na tábua e toca de deslizar pela escadaria até lá abaixo. Depois pegava na tábua, levava-a para cima e era a vez de outro pacóvio descer.

E eu, como mãe, olhei para aquilo e pensei um "deusmalivre de ter um filho com este calibre de estupidez" - sendo que sei que vou ter que gramar com ataques de estupidez semelhantes. Aquilo é perigosíssimo. Se a porcaria da tábua calha em virar, são uns quantos metros a rebolar por escadas de calçada...


1 comentário:

Obrigada!