-->

Páginas

19 janeiro 2012

Dia do demónio

Ontem fiquei com o mais novo em casa. A criatura acordou às 8h30. Fomos levar a irmã, beber café e fazer a vida normal das manhãs. Estava cheio de sono. Cheguei a casa, pu-lo na cama, mandou-me dormir a mim. Pensei que tivesse fome. Dei-lhe o almoço, pu-lo na cama, mandou-me dormir a mim. Só queria andar em pé, a redecorar-me a mesa de centro na sala (e a comer parte das decorações). Passado um bocado fui pô-lo na cama, mandou-me dormir a mim. De caminho, muito choro, muita birra e eu sem conseguir trabalhar como deve ser (mesmo assim reorganizei o meu homeoffice e agora está super acolhedor e desafogado).

Eu parecia uma personagem de um qualquer filme noir: cabelo sujo, a precisar de me enfiar na banheira, e o miúdo sem colaborar. Eu a tentar fazer coisas com ele pendurado no colo. Ele a berrar, meio ranhoso (tão constipado, coitadinho). Às 17h30 consegui, finalmente, pô-lo a dormir. Enfiei-me na banheira e estive ali, a descomprimir com água a escaldar pelas costas abaixo. Acordou às 19h, fresquinho. Depois a coisa normalizou. Jantámos, brincámos e quando o fui pôr na cama... um berreiro que parecia que o estavam a esfolar vivo. A irmã adormeceu ferrada com ele aos berros. Passado pouco tempo lá sossegou. Deviam ser umas 22h quando a saga terminou. Dormiu seguido até hoje às 8h30. Eu precisava de um dia inteiro na cama, para recuperar de ontem.

[Não posso. Work oblige! Felizmente!!]

10 comentários:

  1. Oh Oh como sei o que isso é ! Dá-te por feliz que depois disso tudo ainda te dormiram a noitinha toda... :) :)

    ResponderEliminar
  2. Custa mais quando já não estamos habituados à coisa.
    A minha agora tem dormido as noites inteiras. Quando há uma noite em que me chama, custa-me muito mais do que quando me chamava com mais frequência.
    Estou destreinada e ainda bem, que isto de levar a meio da noite com este frio, não está com nada!

    ResponderEliminar
  3. Isso era o "normal" do meu... o contrário era excepção! Nunca dormiu à tarde... por isso... ;)

    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Pelo o que tenho lido nos blogs esta noite deve ter acontecido alguma coisa à lua que as crianças andavam um demónio.. A minha também estava com a despertina (o que é raro nela, é alentejana pura, por norma adora dormir..mas ontem.... o ranho e o choro foram companhia). Boa recuperação!

    ResponderEliminar
  5. Ontem e pela primeira vez este ano o meu adormeceu às 21h30. Dei por às 22h sentada no sofá a olhar para a televisão e com aquela estúpida sensação de não saber muito bem o que havia de fazer a seguir. Estava destreinada de fazer mapling...

    ResponderEliminar
  6. O meu também acordou às 2h30 da manhã aos berros, parecia que o queriam esfolar vivo...
    Muito raramente acorda de noite, mas nesta parecia que nada o acalmava.
    Resultado: para não apanhar (mais) uma gripe por andar a sair e entrar da cama, resolvi pô-lo na nossa cama o resto da noite. Não é aconselhável, bem sei. Mas que se lixe, o frio falou mais alto. :)

    ResponderEliminar
  7. Dia do demo, mesmo, de vez em quando lá calha, a todas as mães, penso eu! :-)
    Ele está quase a fazer um anito, não é?
    Beijos.

    ResponderEliminar
  8. Não me digas que o teu dia de trabalho começou às 22h? :D Mas quem é que os consegue culpar, né? Bjitos

    ResponderEliminar

Obrigada!