-->

Páginas

08 março 2012

Dia da mulher

Faz hoje 7 anos que perdi uma das mulheres mais importantes da minha vida.

Foi com ela que passei verões fabulosos, de pés descalços na terra, a fazer sopas de farelos dos porcos e limões bebés. Foi com ela que fui ao primeiro funeral da minha vida (e ainda hoje sei de cor o rosto da filha da senhora que morreu, e sei exatamente o que levei vestido). Foi ela que obriguei a organizar uma festa de aniversário para o meu avô, a única nos 82 anos que viveu (e convidei as vizinhas todas e fiz tudo como manda o figurino - tinha 5 anos).

A minha avó Primitiva deixou em nós um bocadinho daquela força que a definia. Ainda hoje somos todas, as filhas e as netas, um bocadinho do que ela foi. E temos muitas, muitas saudades daquele rosto com rugas, daquele sorriso imenso e daquela pureza que fez dela inigualável.

3 comentários:

  1. Tal como eu, és uma sortuda por teres tido uma avó asim! Recorda-a sempre dessa forma! Um bjito, minha querida!

    ResponderEliminar
  2. Terás sempre essas lindas lembranças dela! Bjs

    ResponderEliminar
  3. Como te compreendo. Sinto muito a falta da minha avó materna que faleceu há 3 anos.
    São mulheres assim que nos ajudam a crescer como somos e transmitem força e tranquilidade.
    um grande beijinho

    ResponderEliminar

Obrigada!