-->

Páginas

09 janeiro 2013

Serviço público

"Caso hajam pessoas suficientes..."


"Se houverem dúvidas..."


"Houveram alturas em que me senti mal..."


 


Tudo errado. Tudo.


 


O verbo haver, no sentido de existir, é impessoal (ou seja, não tem sujeito), pelo que aparece sempre, SEMPRE na terceira pessoa do singular. A forma correcta é...


 


"Caso HAJA pessoas suficientes..."


"Se HOUVER dúvidas..."


"HOUVE alturas em que me senti mal..."

4 comentários:

  1. É engraçado que eu, mesmo não sabendo dar essa explicação tão correcta, nunca me engano nestes casos...Simplesmente não me soa bem!

    ResponderEliminar
  2. Também me soa mal a forma incorrecta. Mas vejo isto TANTAS vezes mal escrito que achei melhor dar uma ajudinha... ;)

    ResponderEliminar
  3. Ai Marianne, vejo isto tantas vezes!!!

    ResponderEliminar
  4. Se bem que depois há aquela expressão que eu acho uma jóia do vernacular, o «ele há coisas»! Acho riquinho e tento preservar estas expressões à velhote. Devo ter uma costela linguística etnográfica, é o que é! :)

    ResponderEliminar

Obrigada!