-->

Páginas

27 fevereiro 2013

Disclaimer - muito antes do acontecimento

Portanto, imaginemos que eu até resolvo tirar uma ou outra foto daquilo que visto e ponho aqui. A ideia não será NUNCA ditar tendências ou entrar para o rebanho das fiéis seguidoras das Zaras da vida. A ideia será sempre mostrar como é que uma pessoa normal (e por normal entendam: pessoa que tem dois filhos, que trabalha em casa, que tem contas para pagar, que tem um rendimento baixo e que não pode mudar de guarda-roupa cada vez que vira a estação, que não liga a moda, que liga ainda menos a tendências, que não é bonita e que tem peso a mais) resolve a questão "o que vestir sem parecer um trambolho e não querendo parecer mais do que aquilo que é".


 


Não esperem fotos XPTO. Ainda ontem alguém pedia um muito lógico "fotos na casa de banho é que não"... mas cá em casa o único sítio onde há um espelho grande e luz suficiente é precisamente ali... Eu também odeio fotos na casa de banho mas, até ver, é o que há... (um dia compro um espelho e ponho-o na parede do quarto... um dia, quem sabe).


 


Não esperem roupa XPTO. Não tenho. Sou básica, não tenho capital para investir em roupa nem acho que tenha essa importância toda. Só quero acordar de manhã e não pensar que vai ser mais um dia de martírio em que vou ter que sair à rua. Só quero sentir-me bem comigo, com o corpo que tenho e com o que sou.


 


E se um destes posts servir para que mais alguém aprenda um truque qualquer e se essa pessoa sorrir no dia seguinte por ter usado o dito truque e se sentir bem por isso, então já valeu a pena. É só isto. Vale o que vale.


 


[Ah, e não me levem demasiado a sério. Eu também não me levo muito a sério e acho que é o melhor que há a fazer...!]

14 comentários:

  1. Gostei deste disclaimer, e vou-te dizer porque 'paniquei' e comentei o outro post.
    Hoje ia ali a sair do metro e pensei "mas será que a L. agora vai postar todos os dias fotos da roupa? Que seca ... eu gosto mais da outra L.. Assim mais 'igual a mim'."
    Não me perguntes porque é que isto me veio à cabeça, nem porque me lembrei de pensar em ti, às 8 da manhã, e na tua possibilidade de mudar de 'estilo de blog'. Provavelmente era do sono, mas apetecia-me dizer-te!
    Pronto.
    (Ainda bem que não tens daquelas leitoras fãs obcessivas, senão já sabia que ia iam estorcidar nos comentários seguntes!)

    ResponderEliminar
  2. Acho que dei um erro! Damn it e o escrever à pressa. Sorry!

    ResponderEliminar
  3. Oh estúpida e aprenderes a escrever obsessivas!

    ResponderEliminar
  4. Don't worry. E eu conto convosco, leitoras lindas, para me mandarem parar se eu me esticar no assunto...!! Na boa, mesmo!

    Não tenciono mesmo fazer disto "vida", não vou passar a ser uma potencial "Zé Cabralizada", não vou começar a ir a eventos de moda nem me vou pôr em biquinhos dos pés para ser convidada para essas tretas. Não mesmo. Só quero partilhar aquilo que uma simples dona de casa NORMAL, sem pinta de starlight, faz. Mais nada.

    ResponderEliminar
  5. Só uma observação: Tu és linda! (tenho dito)

    ResponderEliminar
  6. Eu gosto destes post's vindo de ti, porque tu és normal, és mãe, trabalhas, geres um orçamento normal e porque não vives iludida.

    E se um dia postares uma foto sentada na sanita, de fato de treino cheio de nódoas de baba do filhote e completamente desgranhada eu também vou achar normal porque a vida real é mesmo essa, e embora nos faça bem sentirmo-nos bonitas, existem dias que simplesmente não se consegue muito mais que isso.

    Eu gosto de pessoas normais bem sucedidas e tu és uma pessoa assim.

    Biso
    (e quantidade de vezes que escrevi normal...mas agora não tenho tempo para mais!!)

    ResponderEliminar
  7. É isso, Rita. Não pretendo "elevar-me" a uma coisa que não sou, não pretendo virar fashion-guru (deusmalivre!) mas acho que era giro mostrar isto do prisma de uma mulher real, com uma vida normal, sem merdices, sem síndromes de wannabe. Acho mesmo que é isto que falta ver por aí. Porque blogs de moda há milhares - e são todos iguais e vivem todos numa estratosfera qualquer que não é a mesma realidade em que eu e a maioria das pessoas vivemos...

    ResponderEliminar
  8. ACho lindamente. Que lá por casa também não há muito dinheiro para investir em roupa mas gosta-de destas dicas. Keep going!! :D

    ResponderEliminar
  9. Eu sempre achei uma seca quando os blogues se tornam "conhecidos" e tentam corresponder ao que os outros pretendem ler, ao que os outros dizem e acham. Sou muito sincera, acho que isso desvirtua, e muito, aquilo que tento retirar desta coisa de ter um blogue.

    Como tal, e porque acho que, acompanhando o teu blogue, essa questão da roupa, do sentires que isso se tornou importante para voltares a ser uma pessoa mais feliz contigo mesma, porque acho que isso é parte da tua vida no momento, por que não falares sobre o tema? É algo por que estás a passar, são dicas que são curiosas, é algo de que te apetece falar.

    Não vejo mal nenhum nisso, não entendo a celeuma da sanita porque a questão da foto é apenas mostrar a diferença que faz o cinto e não servir para algum fim artístico. Entendi o post como algo despretensioso, como uma dica, como algo que me deixa feliz por fico assim quando vejo alguém que mostra estar melhor, que mostra força para dar a volta aos seus problemas, sejam eles grandes ou pequenos aos olhos dos outros.

    Nem toda a gente neste mundo pretende ser ligada à moda, mas as pessoas não conseguem ver as diferenças. Lamento por elas.

    Por mim podes falar do que gostares de falar, do que te atormenta e te faz mais feliz, das conclusões a que chegas seja na moda, seja na cozinha, seja onde seja. O que lemos torna-se sempre útil e saber não ocupa lugar! Nem que seja a simples existência de um cinto que, aprendi, faz toda a diferença!

    ;)

    ResponderEliminar
  10. Sinceramente, o que eu mais gosto no seu blog é o facto de ter toda a liberdade do mundo para "falar" sobre o que lhe apetece...
    Essa liberdade faz com que seja espontânea e fale sobre a sua vida que, afinal, é normalíssima... e faz com que me identifique imenso com os seus "dilemas", desde a escolha da roupa, às "cuchuleiras" do seu bairro...
    Adoro a fluência da sua escrita.
    Se quer a minha modesta opinião, o que eu gostava de ler neste seu blog é exactamente aquilo que lhe apetecer escrever. ;)
    1 beijinho
    Beta

    ResponderEliminar
  11. Que engraçado, eu disse exactamente o mesmo mas com palavras diferentes! ;)

    ResponderEliminar
  12. Acho que fazes muito bem! É sempre uma ajuda... ainda no outro dia dizia isso no blog, aquilo que as 'pessoas normais' usam inspira-me muito mais do que os que as fashion bloggers desta vida... pura e simplesmente porque eu compro roupa em sítios normais - e acessíveis à minha carteira! -, e elas usam peças que valem pelas peças - e não por elas as fazerem 'render', digamos assim... - e parece-me sempre que não repetem roupa, coisa que não acontece - nem quero que aconteça - por aqui. Portanto, esclarecendo isto que ficou confuso, acho que fazes muito bem, acho que pode ajudar muitas pessoas, pode inspirar, pode dar ideias... para o bem ou para o mal cada uma de nós tem o seu estilo, os seus truques, a sua maneira de ver a roupa e de a conjugar/combinar e podemos sempre dar ideias e inspirarmo-nos umas às outras!

    ResponderEliminar
  13. A ikea está com uma promoção nos espelhos!!!

    Se resolveres coiso, arranja uns minutinhos para um café!! :))

    ResponderEliminar
  14. Vão servir, sim. Aliás, aquele do cinto já ME serviu! :D

    ResponderEliminar

Obrigada!