-->

Páginas

22 abril 2013

Da dieta: rescaldo da segunda semana

Menos 600gr. Ok, não é assim um peeeeeeeeeeeso exorbitante. Mas é bom. Ao todo, já voaram 3kg: 1,5 sozinha, na primeira semana, 800gr na primeira semana de Dieta3Passos e estes 600gr agora. Quem me vê vai notando diferenças, eu noto alguma coisa na roupa. Sem alaridos.


 


Vim da consulta mais animada: já posso comer mais coisas... mas ainda não posso comer fruta (aiiiiii!!!). Fiz uma ou outra asneira esta semana que passou mas, no geral, a coisa faz-se. As ditas asneiras não deram cabo da pesagem, que é coisa para me deixar contente.


 


Continuo a dizer: isto faz-se bem. Claro que, se temos um problema de peso, é quase certo que tenhamos um problema de comida. Eu tenho: adoro comer, adoro cozinhar. E como e cozinho e, no geral, não me privo de muita coisa. Mas agora, que assumi que quero resolver o meu problema de peso, tenho que ter mais força de vontade e tenho que saber resistir às tentações e comer de acordo com o plano. O que está a acontecer é uma espécie de reset ao meu organismo, para que ele se habitue a gastar energia de outra forma. Eu vou fazendo o que me mandam mas, culpa dos meus gostos de esquisitinha, estou amarrada ao fiambre de peru e às gelatinas. Ou seja, o meu problema maior não são as refeições - aí é tranquilo: muitos grelhados, muitas saladas, nada que saber. O meu problema são os lanches e as alturas em que me dá a fome. Podia comer um ovo cozido em vez do fiambre de peru? Podia... mas não gosto de ovos cozidos. Podia comer salsichas em vez do fiambre? Podia, mas prefiro comê-las com ovos mexidos, numa refeição.


 


A parte boa é que duas semanas já passaram. Estou para lá do meio da primeira fase, que é a mais difícil. E mantenho os olhos nos 55-57kg, que são o meu objectivo. Ah, pequena ressalva: peso-me em casa e a minha balança dá-me menos três quilos do que a balança da médica, portanto este valor é a minha referência cá para casa (portanto, pela balança de lá, qualquer coisa como 58-60kg estará ok). Já estive mais longe de lá chegar. E hei-de chegar, no prazo estipulado: três meses... fim de Junho, portanto. (Calha bem, bate no baptizado do meu crianço!)


 


Entretanto, duas semanas depois, já posso falar de uma factor que, para mim, tem feito toda a diferença: a nutricionista. A Dra. Mónica Marvão, que é quem está a seguir-me, tem sido cinco estrelas. É simpática, é querida, tem o sorriso sempre a espreitar. Motiva-me, ensina-me e mostra-me que eu vou ser capaz. Acho que este detalhe faz toda a diferença. Já fiz mais dietas, acompanhadas por nutricionistas com quem não criei empatia, e a coisa não correu bem. Ali sinto-me mesmo acompanhada, sei que posso ligar-lhe se tiver alguma dúvida e sei que posso contar com ela. Fundamental, portanto.


 


Moving on: mais uma semana, mais um desafio. Cá vou eu...!!

4 comentários:

  1. Força nissoooo :) :)

    Por aqui também ando nessas andanças.. custa, mas com muita (muitaaaaa) força de vontade tudo é possível!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Se há coisa que ai me ia custar era não comer fruta..eu sinceramente acho que não conseguia --'

    ResponderEliminar
  3. Forçaaaaa :)

    Isso de não comer fruta realmente ia mesmo fazer-me muita falta, e a esta altura tenho a certeza que já tinha enjoado a gelatina, mas tudo se faz (por aqui ando a tentar controlar melhor o que como e para já tudo bem, mas de vez em quando tenho uma vontade incontrolável de comer um doce por exemplo).

    ResponderEliminar
  4. Eu também ando a fazer essa dieta comecei à precisamente um mês, e perdia até agora 3,900, podia ter sido melhor mas eu tenho muito peso a perder.
    A dieta em si não me custa porque eu apesar de ser gordinha já tinha cuidados diários com a alimentação, o que custa mesmo é o chegar a casa que é quando estou mais "esgalgada" de fome e só penso em atacar o frigorifico e apanhar o que vier à mão. Nesse caso tento comer duas fatias de fiambre de peru ou uma gelatina e avançar rapidamente com o meu jantar.
    Esta semana foram dois jantares de sopa, hoje é dia de pesagem, vamos ver como corre.....aiaiaiaiai!

    ResponderEliminar

Obrigada!