-->

Páginas

26 abril 2013

"Menina de Ouro"


No Verão passado li "Pequena Abelha", de Chris Cleave e amei. É um livro duro, que magoa, mas está tão bem escrito que é impossível não gostar. Uma pessoa pega naquilo e enreda-se muito facilmente e só pára quando vira a última página.

Aqui há dias deparei-me com este "Menina de Ouro" numa livraria e soube que este tinha que ser um dos três livros que me permito comprar este ano. Trouxe-o. Comecei a ler e não consegui parar.

Este livro fala sobre três amigos, duas mulheres e um homem, ciclistas de alta competição. Vamos andando entre a vida privada deles e o mundo do ciclismo olímpico, acompanhamos a história da filha de dois deles... e é maravilhoso. De novo, um livro duro, que faz doer, mas que nos mostra uma história que tem tanto de pungente quanto de bonita. Não vos conto mais porque teria que entrar em detalhes e acho que, quem ler isto, deve fazê-lo sem saber o que o espera.


Por isso, conselho de amiga: se andam pelo GoodReads, NÃO LEIAM as reviews feitas a este livro. Têm quase todas spoilers daqueles que condicionam mesmo a leitura. Está bom de ver que eu fiz esta asneira e que me arrependi depressa. Não que tenha aproveitado menos o livro por já saber ao que ia, mas o facto de o saber fez com que não fosse apanhada de surpresa. E as surpresas, neste livro, além de serem muitas, estão tão bem arquitectadas que é pena não usufruir delas por inteiro. 


Posto isto, e até ver, foi o melhor que li em 2013. E o senhor Chris Cleave já se instalou confortavelmente na poll dos meus autores preferidos... (Falta-me ler um livro dele, "Incendiário", coisa que farei em breve...)

8 comentários:

  1. Não sei se és da facção "empresto livros" ou da "os meus livros não saem de casa" mas se fores da primeira bem que mo podias emprestar :)

    também adorei a pequena abelha..

    ResponderEliminar
  2. Sou da primeira, claro. Ele vai fazer uma viagem até Oeiras primeiro, mas assim que mo devolverem mando para ti. Nessa altura já devo ter lido o "Incendiário" e mando-te também... se quiseres! ;)

    ResponderEliminar
  3. Já ando com vontade de ler o "pequena abelha" há muito tempo. Ver se é desta que apanho este senhor. Estou curiosa. (vamos a ver se uso os vouchers da promoção dos 100% da wook para a brincadeira e guardo um ou outro para a feira do livro) ;)

    ResponderEliminar
  4. Aiiiiiii dá-me tanta vontade de ler! (sim, sei que esse é um desejo daqueles fáceis de realizar, mas não consigo pegar num livro de fio a pavio há tanto tempo [perdi neurónios de concentração no parto] que não me atrevo a comprar livros novos antes de ler as dezenas que tenho em casa e ainda não li - por isso fico-me pela anotação no meu GoodReads...)

    ResponderEliminar
  5. Mais uma dica que tiro aqui do teu blog:-)
    Não estranhes se passados uns meses aparece no meu blog um livro que leste há pouco. (e também tirei umas dicas porreiras de policiais, obg)

    ResponderEliminar
  6. Não só não estranho como fico contente por dar "boas dicas"!!
    Eu faço o mesmo... às vezes leio livros porque "ouvi falar" deles em blogs ou no facebook... ;)

    (Esta semana, por exemplo, quando fui à biblioteca só trouxe coisas que tinham acabado de ser devolvidas por outros leitores. Não sei se prestam ou não, mas parece-me que sim!!)

    ResponderEliminar
  7. bom, lá terá que ser. li o "Pequena Abelha" por recomendação de uma pessoa que muito estimo e que é uma referência cultural para mim. já vi que não vou conseguir contornar este novo título também. :)

    ResponderEliminar
  8. :D

    (Fui hoje buscar o "Incendiário" à livraria... estava a preço ultra-especial - 4,90€ - e estou aqui a controlar-me para não pousar "O Irmão Grimm" e agarra já neste...)

    ResponderEliminar

Obrigada!