-->

Páginas

30 maio 2013

Dia com filho

Ontem fiquei com o catraio. Dia tranquilo, com a casa completamente de pantanas - aquele pinchavelho que nem um metro mede consegue desarrumar muito mais e muito mais depressa do o resto da família toda junta. Brincámos, conversámos, lemos histórias e, de caminho, consegui trabalhar mais do que estava à espera. Depois de almoço fomos buscar a miúda à escola e no regresso, com ele a querer fechar os olhos, obriguei-os a gramar comigo a cantar aos berros, tudo para ver se ele não adormecia no carro. Não adormeceu. E depois em casa também não queria dormir, mas lá se rendeu e apagou. E, enquanto ela lanchou e viu bonecada na TV, eu avancei com mais trabalho e arrumei o rasto de destruição deixado por ele. Ao fim do dia estava, vá, cansada. Mas foi bom. Só foi pena ter estado uma ventania gelada brutal que nos impediu de dar uma voltinha na rua. Pode ser que quando for primavera consigamos fazer isto...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada!