-->

Páginas

22 novembro 2013

Closure

É triste que, de vez em quando, a vida real se assemelhe um bocado aos thrillers que vou lendo. A história do homicídio da Alexandra Neno e do Diogo, há coisa de cinco anos, dava um livro dos bons. E ninguém esperaria este final: o homicida não aguentou os remorsos e entregou-se, passado este tempo todo. Se não o tivesse feito, acredito que nunca se chegasse a saber quem ele era. É muito mau isto de, de vez em quando, a realidade se parecer muito com a ficção.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada!