-->

Páginas

11 novembro 2013

Compensações esquisitas

Todos os meses, no início do mês, separo dinheiro por uma série de envelopes (tenho um para o supermercado, outro para a casa, outro para as contas, para a gasolina, etc.). Há uns meses desapareceu o envelope da gasolina - coisa chata, tendo em conta que tinha lá dentro o cartão de desconto da Repsol. Hoje, a tratar deste assunto, constato que me falta o envelope da casa. Subo a um banco para ver se o pus na prateleira onde tenho os livros de receitas... olho... e encontro o envelope da gasolina. O da casa continua desaparecido.


 


Aqui há tempos reencontrei um relógio que tinha "perdido". Poucos dias depois perdi a bolsa do telemóvel que usava quando ia correr.


 


Há coisa de duas semanas perdi o meu caderno de apontamentos. Estou para ver o que é que vou encontrar a seguir. Mas precisava mesmo de encontrar estas três coisas: envelope da casa, bolsa do telemóvel, caderno. O que é que terei que perder para que estes objectos apareçam?


 


Adenda: o envelope apareceu assim que escrevi o post. Fui arrumar os outros e lá estava ele, sossegadinho no fundo da gaveta. One down, two to go...!


 


Adenda nº 2: acabei de encontrar o meu caderno!!! Num sítio onde não era mesmo suposto estar: no meio dos livros dos miúdos... Two down, one to go... (se eu soubesse que, falando, encontrava as coisas, já tinha falado há mais tempo!!)


 

2 comentários:

  1. Isso é uma técnica boa! Vou começar a fazer o mesmo... pode ser que assim me organize melhor :(...

    http://osmeusosteusosnossos.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  2. Respirar fundo e acalmar o ritmo talvez seja o caminho correcto para que tudo o que anda desaparecido regresse. E também um pouco de meditação para combater o stress.

    ResponderEliminar

Obrigada!