-->

Páginas

06 março 2014

Pampering

Eu sou aquela pessoa que, apesar de adorar o meu Renato (melhor cabeleireiro do planeta e arredores, ficam a saber), só lá vou duas vezes por ano. Com sorte. Tinha ido lá em Outubro ou Novembro, altura em que transformei o meu cabelo escadeado numa melena certinha, direitinha, muito pouco rebelde - muito pouco eu, portanto. Acontece que eu tenho um cabelo que não lembra. Muito cabelo. Pesadão. E não dá com cortes direitos. Fartei-me depressa do certinho do cabelo.

Portanto, ontem agarrei em mim e na minha miúda e fui entregar-me às tesouras e navalhas do Renato. E quanto mais ele mandava bocados do meu cabelo para o chão, mais o meu sorriso abria. "Gostas?" AMO!! Voltou o escadeado. Voltou a franja. Voltou a rebeldia. Voltou o cabelo levezinho, como eu gosto. E ele gostou da cor, diz que ficou óptima. E eu acredito!! Sou eu outra vez. E sabe tão bem!!!

2 comentários:

  1. E eu concordo contigo Lénia... o Renato é fantástico!! Gosto tanto que foi ele que me penteou no meu casamento...E estou a precisar de lá ir :)

    ResponderEliminar
  2. Precisava de "um Renato" assim cá pelo norte... estou a precisar de cortar o cabelo mas nunca acerto com os cabeleireiros... há mais de 16 anos que não tenho o cabelo comprido e está a ser difícil de gerir a coisa... demasiado cabelo habituado a andar em desalinho ;)

    ResponderEliminar

Obrigada!