-->

Páginas

13 novembro 2014

A vida no gueto - episódio 1

Há bocado fui num tirinho à mercearia comprar ovo.
Na caixa, um senhor que mora aqui no gueto bairro queixava-se de uma senhora qualquer que andou para lhe bater no carro.

- Estas puuuuuutas... são umas puuuuutas! Andam práí montadas nos Mercedes, mas de certeza que nem têm onde cair mortas. São umas puuuuuutas! Se aquela puuuta me tem batido no carro, eu desatava-lhe aos pontapés à Mercedeira que ela havia de ver! O meu carro vê-se bem, não é assim tão pequeno! Porque é que aquela puta me ia batendo, diga-me lá, ó dona São?

[Entretanto o senhor lá foi à vida dele. E a dona São ficou a revirar os olhos e a pedir-me desculpas da má criação do senhor - palavras dela - "ai, desculpe lá esta má criação, mas o homem está mesmo enervado..."]

2 comentários:

  1. A minha zona também é uma coisa que só visto.
    Ainda hoje assisti a uma discussão conjugal em plena rua, à porta de minha casa. Vizinhos meus do prédio da frente, que acharam que era interessante partilhar os problemas deles com o mundo. Tinham a casa demasiado longe (estava a 2 metros) para optarem pela privacidade.
    No meu caso devem ser os ares de Alfama, que estão aqui muito perto, a baralhar estas cabeças.

    ResponderEliminar
  2. Ha pessoas assim, que não tem um pingo de respeito e decência.... e não é so no "gueto"

    [BLOG Desabafos e Coisas]
    [FACEBOOK]

    ResponderEliminar

Obrigada!