-->

Páginas

16 maio 2017

| 8 |

O meu avô era caçador. Era um hobbie, uma maneira de matar o tempo. E animais. Antes de se reformar, trabalhava nos comboios. Nunca soube o que ele fazia, sabia apenas que trabalhava na CP. Quanto tomei noção de que tinha um avô já ele se tinha reformado. E matava animais para matar tempo. Tinha calendários com peças de caça espalhadas em cima de mesas, tudo morto, coelhos, perdizes, faisões. Eu não conseguia assimilar que aqueles animais estivessem mortos. O meu avô, para me ajudar a matar o tempo, ensinou-me a fazer cartuchos para a caça. Acho que matei animais.

1 comentário:

  1. Adoro este texto :)
    Gosto muito da forma como em 100 palavras contas tanto sem dizer muito. É preciso um talento especial :)

    ResponderEliminar

Obrigada!