-->

Páginas

15 julho 2018

Meio cheio

Duas semanas de férias. Estou a meio. Tenho a casa em estado de sítio. Estes miúdos estão cada vez piores no que toca a arrumações e a culpa é minha, que não os empurro o suficiente. É aquela coisa de escolher as guerras em que me quero meter, sabem? Para esta, tenho cada vez menos força.

Duas semanas de férias, estou a meio e estou esgotada. Só me apetece chorar. Não há sol, não há praia. Praia é aquela coisa que me recarrega as baterias de imediato. Tive um ano de merda e precisava de descansar, de fazer reset, de conseguir respirar, sacudir o que foi mau e continuar, limpa e sem bagagem, para o que aí vem. Não consigo. É o desespero total. Não me apetece dedicar um dia inteiro a limpar a casa, mas vai ter de ser. Não me apetece porque sei que, duas horas depois, está tudo na mesma que eles são mestres na arte de fazer disto uma batalha campal.

Duas semanas de férias e, a meio, o miúdo adoece e vamos passar uma linda tarde de domingo ao hospital. Ele a vomitar, eu a segurar-lhe o vómito, a lavar roupa, a mudar lençóis da cama que ele vomitou, a tomar banhos para estarmos os dois prontos para outro banho imediatamente a seguir.

Não é fácil. Não é mesmo nada fácil. E depois da merda de ano que eu tive, tudo o que eu queria era ter duas semanas de paz com eles, com sol e gelados, com ar fresco e petiscos, com passeios e o sol na pele. Nada disso. Estou refém em casa. E preciso TANTO de respirar.

(Miúdo a melhorar, com perspectiva de voltar a piorar precisamente ali ao início da noite, que é quando vai acabar o efeito da medicação. Aposto que vai haver camas vomitadas (e os lençóis estão a secar). Amanhã vai estar sol e eu vou ficar trancada com eles em casa porque temos de limpar isto como deve ser. Entretanto, eu que não sou a maior das crentes, rezo para que o resto da semana seja de sol, para ver se consigo ao menos uma ou duas tardes de praia. A verdadeira vontade? Cancelar as férias e marcar mais tarde, quando for finalmente Verão. Isto este ano está a ser a maior perda de tempo de sempre. E sim, estou com um feitio de merda. Eu sei. Só me apetece chorar, já disse?)

1 comentário:

  1. As melhoras do pequeno e que o sol invada o resto dos dias para que as baterias se recarreguem como planeado! ;)
    Beijinho
    Cris

    www.lima-limao.pt

    ResponderEliminar

Obrigada!